CONICITY AND YIELD FOR LUMBER FROM COMMERCIAL SPECIES FROM THE AMAZON

Main Article Content

Misael Freitas dos Santos http://orcid.org/0000-0002-6388-7679 João Ricardo Vasconcellos Gama http://orcid.org/0000-0002-3629-3437 Afonso Figueiredo Filho http://orcid.org/0000-0001-9965-7851 Daniele Lima da Costa http://orcid.org/0000-0002-1685-7864 Fabiane Aparecida de Souza Retslaff http://orcid.org/0000-0003-4025-9562 Renato Bezerra da Silva-Ribeiro http://orcid.org/0000-0001-6385-9224 Rafael Rode http://orcid.org/0000-0002-7070-7293

Abstract

A conicidade do caule e o padrão serrado, além da presença de ocos e alburnos, estão entre os principais fatores responsáveis ​​pelo baixo rendimento de madeira da madeira colhida na Amazônia. Portanto, o objetivo deste estudo foi analisar a conicidade de tronco e log utilizando um programa de computador. Os dados utilizados foram obtidos de seis unidades de produção na Floresta Nacional do Tapajós, no Pará. A conicidade de toras foi analisada para as classes de DBH (Diâmetro na altura do peito) e espécies, e a produtividade foi estimada para toras e espécies. A conicidade do tronco, assim como a das hastes completas, foi medida em função da diferença de diâmetro entre a base e o topo do tronco, e o rendimento da madeira foi estimado usando o softwareMaxiTora. A maioria das espécies estudadas apresentou diferenças na conicidade entre os troncos, sendo o primeiro tronco o mais cônico, o que foi refletido diretamente pelo menor rendimento para este log. Houve uma tendência de aumento da conicidade nas classes maiores de DBH, e diferenças na conicidade e rendimento entre as espécies. Os rendimentos estimados foram superiores aos rendimentos percentuais observados em estudos feitos em serrarias na Amazônia. Portanto, concluiu-se que a conicidade pode variar entre espécies, troncos e classes de DBH e é uma característica que afeta diretamente o rendimento da madeira. Além disso, a incorporação de modelos de corte representa uma alternativa para maximizar o rendimento da madeira.

Article Details

How to Cite
SANTOS, Misael Freitas dos et al. CONICITY AND YIELD FOR LUMBER FROM COMMERCIAL SPECIES FROM THE AMAZON. CERNE, [S.l.], v. 25, n. 4, p. 439-450, feb. 2020. ISSN 2317-6342. Available at: <http://cerne.ufla.br/site/index.php/CERNE/article/view/2184>. Date accessed: 28 mar. 2020.
Section
Article